Archive for the 'Fim de semana' Category

Seja um onívoro respeitável

Você gosta de carne? Se amarra num churrasco? Bacana!

E preparar o churrasco? Acender o carvão, vestir um avental, fazer aquele lance legal de amolar a faca na chaira… você curte? Ótimo!

Já que é assim, deixa eu te dar uma dica:

APRENDA, MISERÁVEL!

Magia do Churrasco

Aprenda a acender a churrasqueira sem levantar aquela fumaçada do inferno.

Aprenda a reconhecer e preparar um bom corte de picanha ou contrafilé.

Aprenda, acima de tudo, a forma correta de grelhar e servir a picanha, o contrafilé, a alcatra, o filé mignon e a bisteca.

Com os vídeos produzidos pelo Marcos Guardabassi, disponíveis no canal Dois Espressos do YouTube, você vai aprender tudo isso em menos de 1h. Assim, quem sabe, seus convidados nunca mais voltarão para casa cheirando a churrasco ou precisarão comer carnes salgadas e ressecadas.

Abaixo, pra você ver como é simples, o vídeo que mostra o preparo da picanha.

UPDATE: Mais vídeos no YouTube sobre como cortar o filé mignon e a costela, além dos detalhes sobre como assar costela, maminha e fraldinha.

_______________

Se além de churrasco você também curte hambúrguer, dê uma olhada na minha receita para um hambúrguer perfeito.

Playing for change: Stand By Me

Aumente o volume…

12ª Mostra de Cinema de Tiradentes

Mostra de Cinema

Na próxima sexta-feira, dia 23 de janeiro, começa a 12ª Mostra de Cinema de Tiradentes 9 dias de exibição gratuita de curtas e longas-metragens numa das cidades históricas mais bonitas de Minas Gerais.

Estarei em Tiradentes apenas no sábado, dia 24, para assistir a pré-estréia nacional dos filmes “A festa da menina morta“, primeiro filme de Matheus Nachtergaele como diretor, e “Titãs – a vida parece uma festa“, documentário sobre os Titãs dirigido por Branco Mello e Oscar Rodrigues. Quem for acompanhar toda a mostra, que vai até o dia 31 de janeiro, pode fazer o download da grade de programação (.pdf) para conhecer dias e horários de todos os eventos.

Além disso, acompanharei o Carlos Tanure dos cadernos Moleco até o Ateliê Arte & Ofício (Rua da Cadeia, 30 – no centro histórico de Tiradentes), onde começarão a ser vendidos os primeiros cadernos Moleco temáticos: os Molecos Tiradentes (imagem da capa abaixo).

moleco-tiradentes

Queridos leitores deste despretensioso blog “sem relevância na meritocracia informal da Internet” que estiverem por Tiradentes no sábado, dia 24,  podem entrar em contato, via comentário ou twitter, para que possamos nos encontrar para um chopp com pastéis de angu.

A Última Ceia é só a pintura de um lanche

viridiana-ultima-ceia

Fotograma do filme de Buñuel, Viridiana.

Fato: se tirarmos da Última Ceia todo seu contexto histórico o que resta é basicamente o retrato de 13 pessoas fazendo um lanche. E antes que alguém corra até os comentários para me chamar de ignorante, quero deixar claro que não estou menosprezando o brilhantismo de Leonardo da Vinci como pintor, mas convenhamos que conhecer o simbolismo e o significado de detalhes da pintura é que acrescenta novas camadas de interesse ao trabalho. Sem esse referencial a Última Ceia é até bonita, mas não fica muito longe da imagem acima.

Em arte isso é chamado (corrijam-me os entendidos se eu estiver falando besteira) de “níveis de leitura”. Cada pessoa, com base em seus conhecimentos de arte e seus referenciais, aprecia o trabalho em um nível. Uma leigo olha para o teto da Capela Sistina e vê a obra de uma certa forma. Já para um PhD em História da Arte as pinturas podem “dizer” coisas bem mais interessantes e complexas. Ambos apreciam, mas cada um do seu jeito.

Enfim…

Cheguei há alguns dias de Tiradente e acredito que quem vai até lá (ou a qualquer outra cidade histórica) sem o acompanhamento de um professor de história ou guia turístico competente acaba “perdendo” detalhes interessantes da arquitetura, como as eiras e beiras¹ dos telhados, os passeios com calçamento pé-de-moleque e as igrejas em estilo barroco. E nem adianta ir pensando que os funcionários que trabalham nas igrejas sabem alguma coisa sobre o monumento pelo qual são responsáveis, pois a maioria está alí apenas para recolher os R$ 2,00 do ingresso.

E aí chegamos ao ponto que quero abordar.

Foi a primeira vez que viajei com o iPhone e preciso dizer que ele foi um fantástico guia turístico. Bastava entrar em uma igreja ou parar em frente a um prédio importante e *pimba*, lá estava o Google  com todas as informações sobre aquilo que eu estava vendo. Ano de fundação, aspectos peculiares da construção, eventos históricos marcantes, TUDO!

Na hora do almoço, surgiu a dúvida sobre o que era o tal frango com ora-pro-nóbis e o porquê do nome? *pimba*

E de noite, no bar, que música legal era aquela tocando ao fundo? Bastou usar o Shazan e descobrir que era Madeleine Peyroux.

Decidimos, de última hora, que queríamos fazer o passeio de maria fumaça entre Tiradentes e São João del Rei mas não sabíamos o preço ou os horários? *pimba*

Eu poderia continuar, mas acho que já deu pra entender.

Como disse o Cardoso, tem gente que acha estranho quando um sujeito, dentro de uma igreja em Tiradentes, puxa o telefone do bolso pra perguntar ao Google por que uma construção cristã tem sobre o altar uma meia-lua e, no teto, uma estrela negra de oito pontas². Pra mim estranho seria entrar na igreja, reparar nesses detalhes e ir embora sem saber as respostas.

_______________

1. As eiras e beiras nos telhados dos casarões eram um dos símbolos de riqueza das famílias do período colonial. Quem tinha dinheiro construía telhados com eiras e beiras, já os pobres não tinham eira nem beira (daí a expressão).

eiras-e-beiras

Telhado com eiras e beiras e calçamento pé-de-moleque em Tiradentes, por Marcia Rosa.

2. A Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos (destinada aos negros) foi construída durante a noite por escravos que trabalhavam nas fazendas durante o dia. Isto é simbolizado pela estrela negra de 8 pontas no teto e pela meia-lua sobre o altar.

Jazz na noite de sábado com Madeleine Peyroux

madeleine-peyroux-careless-love-2004-front1Descobri Madeleine Peyroux num bar em Tiradentes e gostei tanto que baixei a discografia completa. Dá só uma ouvida em Careless Love (que tem também alguma coisa de blues) e Don’t wait too long.

Pra quem curte jazz e Billie Holiday, segue o link para download direto do álbum Careless Love (2004).

Baixe AGORA!

Desenhistas reunidos para o Sketchcrawl09

Sketchcrawl 2009No próximo sábado, dia 10 de janeiro, acontece em diversas cidades do Brasil (e do mundo) o Sketchcrawl 2009, uma espécie de maratona mundial de desenho.

A proposta — idealizada por Enrico Casarosa, artista residente em São Francisco e que atualmente faz storyboards para a Pixar é que desenhistas, ilustradores e entusiastas de sketchbooks e moleskines ao redor do mundo se encontrem para bater-papo, trocar idéias e, claro, desenhar.

E Juiz de Fora a reunião vai rolar às 10h da manhã na Livraria Terceira Margem, que fica na Galeria Pio X, 2º piso, loja 127 (link para Google Maps). Todos que aparecerem por lá com seus cadernos de desenho, além de tomarem um espresso por minha conta, concorrem a um kit sketchbooking + caderno Moleco.

Nos vemos no sábado!

UPDATE: infelizmente não encontrei mais o kit sketchbooking pra vender na Saraiva, por isso vou pensar em outra coisa pra sortear para os que aparecerem por lá com seus caderninhos.

TED Talks, Descolagem, NAVE e Educação

Primeira Descolagem

Primeira Descolagem

Vários textos e vídeos sobre Educação chegaram a mim via feeds e Twitter essa semana. Não sei se por causa da Descolagem, que acontece amanhã no NAVE e vai falar sobre a escola do século XXI, ou por conta do acaso (???), li e assisti muita coisa sobre o assunto nesse últimos dias.

Assim sendo, vamos compartilhar.

A primeira dica é de um post do Luli Radfahrer, um dos os especialistas que irão discutir o assunto na Descolagem de amanhã, onde ele fala sobre o panorama da educação digital no Brasil

A segunda dica é de uma das fantásticas palestras do TED Talks (que agora tem um canal do YouTube com legendas em português), feita por Ken Robinson, reconhecido mundialmente como um dos grandes especialistas nas áreas de criatividade e inovação, onde ele fala sobre como as escolas vêm matando a criatividade das crianças. Como todas as palestras do TED, esta tem 20 minutos de duração e foi dividida em 2 vídeos: Parte1 e Parte 2.

A terceira e última dica é de um vídeo que coloquei ontem no recém inaugurado canal de vídeos do Dois Espressos, que fala sobre as transformações provocadas pelas novas tecnologias e pela Internet. É a versão atualizada do vídeo “Did you know?” (Você sabia?), divulgada no começo de novembro, que pode ser vista com legendas aqui.

Leia, assista, recomende.


RSS Dois Espressos   Twitter Dois Espressos   Vídeos Dois Espressos   Fotos Dois Espressos
Músicas Dois Espressos   Links Dois Espressos   Locais Dois Espressos   GReader Dois Espressos
Facebook Dois Espressos   Livros de Dois Espressos   Corridas de Dois Espressos

Última corrida

Corridas

Fotos recentes

Mais fotos

Últimos Tweets

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Última nota do Moleco

" (...) Quanto a mim, a base de minha vida vai ser uma fazenda em algum lugar onde vou produzir parte de minha própria comida, e, se necessário, toda ela. Um dia não vou fazer coisa alguma além de sentar embaixo de uma árvore para ver minha lavoura crescer (depois do trabalho devido, claro) -- e beber vinho caseiro, e escrever romances para edificar meu espírito, e brincar com meus filhos, e relaxar, e gozar a vida, e brincar, e assoar o nariz. (...) Vou viver a vida do meu jeito 'preguiçoso coisa ruim', é isso o que vou fazer."

Diário de Jack Kerouac, 23 de agosto de 1948.
Molecos Viajantes

Últimos links del.icio.us


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 40 outros seguidores