Manipulando fotos com o Image Fulgurator

Image FulguratorO Image Fulgurator — que, pelo nome, parece um produto das Organizações Tabajara — é uma idéia fantástica do fotógrafo alemão Julius von Bismarck. Trata-se de um aparato para manipulação de fotos, mas de um jeito completamente diferente: ele altera as fotos de outros fotógrafos, no momento em que elas estão sendo tiradas e sem que o fotógrafo perceba. A manipulação só é percebida depois que a foto já foi feita.

Explico:

O cara adaptou uma câmera fotográfica de filme para funcionar de modo inverso. Ao invés de captar as imagens e armazená-las no filme, ele usa um flash, ligado na parte traseira da câmera, para projetar a imagem de um slide, através da lente, sobre o assunto que alguém esteja fotografando. O mecanismo é ligado a uma fotocélula que dispara no mesmo instante que o flash do outro fotógrafo é disparado.

Parece complicado, mas o vídeo abaixo, a partir de 1’10”, mostra direitinho como o aparelho funciona.

Pense no potencial que isso teria numa campanha de marketing de guerrilha? Imagine alguém ser capaz de, durante um evento em que todos estão olhando para um mesmo ponto, fazer com que uma marca, símbolo ou frase apareça em TODAS as fotos tiradas por TODAS as câmeras?

No site do fotógrafo você encontra — em inglês — mais observações interessantes sobre o potencial do projeto e algumas intervenções feitas com o brinquedo.

Anúncios

1 Response to “Manipulando fotos com o Image Fulgurator”


  1. 1 Mario Amaya 18/11/2008 às 2:41 AM

    A coisa boa do filme é a frase que foi sobreposta ao velho cartaz do Muro de Berlim: “Centenas de pessoas morreram no ano passado ao tentar o mesmo na fronteira EUA-México.” É o mais genuíno marketing de guerrilha.

    OK, além disso tem a moça que está com o fotógrafo, que é gata.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




RSS Dois Espressos   Twitter Dois Espressos   Vídeos Dois Espressos   Fotos Dois Espressos
Músicas Dois Espressos   Links Dois Espressos   Locais Dois Espressos   GReader Dois Espressos
Facebook Dois Espressos   Livros de Dois Espressos   Corridas de Dois Espressos

Última corrida

Corridas

Fotos recentes

Mais fotos

Últimos Tweets

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Última nota do Moleco

" (...) Quanto a mim, a base de minha vida vai ser uma fazenda em algum lugar onde vou produzir parte de minha própria comida, e, se necessário, toda ela. Um dia não vou fazer coisa alguma além de sentar embaixo de uma árvore para ver minha lavoura crescer (depois do trabalho devido, claro) -- e beber vinho caseiro, e escrever romances para edificar meu espírito, e brincar com meus filhos, e relaxar, e gozar a vida, e brincar, e assoar o nariz. (...) Vou viver a vida do meu jeito 'preguiçoso coisa ruim', é isso o que vou fazer."

Diário de Jack Kerouac, 23 de agosto de 1948.
Molecos Viajantes

Últimos links del.icio.us


%d blogueiros gostam disto: