Pare de buscar informação e procure questioná-la

A frase que serve de título para este post foi escrita pelo Luli Radfahrer em seu último artigo, Agenda setting 2.0, onde ele fala sobre a importância de mantermos sempre uma consciência crítica em relação as informações que recebemos e faz referência aos comentários relacionados ao post Copy&Paste or Die 2009:

O resultado desse processo perverso de exclusão por confusão é um pacote de informação sem reflexão ou critério, empilhado a esmo. Quando um leitor tem a coragem de confrontar o vazio desse conteúdo copiado e colado, recebe como resposta um monte de insultos, argumentos espúrios e mais informação contraditória buscada no mesmo Google. Recomendo a vocês que (…) leiam os comentários que foram deixados sobre o post no blog Dois Espressos. Eu não conseguiria imaginar melhor exemplo.

Leitura obrigatória!

5 Responses to “Pare de buscar informação e procure questioná-la”


  1. 1 Andresa 25/02/2009 às 1:07 PM

    Concordo,na net tem muito isso:muuita informação,mas nem sempre verdadeira .
    Ainda não recebi meu caderno,e já mandei os dados =/
    *azarada*
    haushaus
    beijão

  2. 2 Kél 26/02/2009 às 10:21 AM

    Já fui lá conferir…

    Adorei a dica! :)

  3. 3 Mark 27/02/2009 às 4:07 AM

    bah!!!

    esse blog é fantástico!
    muita muita coisa boa.. incrivel
    achei ele procurando o disco do oren-lavie
    no google search blogs
    e fiquei muitoi feliz de achar esse blog

    já assinei o feed!!
    abraços

  4. 4 Mark 27/02/2009 às 4:18 AM

    ps:
    entendi a temática dos molecos viajantes..
    porem

    com eu faço para ter um moleco normal
    auhauha..
    queria tanto um caderninho desse para mim
    onde compro?

  5. 5 Dylan 03/03/2009 às 4:44 AM

    Just dropping by.Btw, you website have great content!

    ______________________________
    Who Else Wants To Discover A Rebel Psychiatrist’s Amazing Secret That Lets You Put People Under Your Control Quickly & Easily and Get Them to Do Anything You Want?


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




RSS Dois Espressos   Twitter Dois Espressos   Vídeos Dois Espressos   Fotos Dois Espressos
Músicas Dois Espressos   Links Dois Espressos   Locais Dois Espressos   GReader Dois Espressos
Facebook Dois Espressos   Livros de Dois Espressos   Corridas de Dois Espressos

Última corrida

Corridas

Fotos recentes

Mais fotos

Últimos Tweets

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Última nota do Moleco

" (...) Quanto a mim, a base de minha vida vai ser uma fazenda em algum lugar onde vou produzir parte de minha própria comida, e, se necessário, toda ela. Um dia não vou fazer coisa alguma além de sentar embaixo de uma árvore para ver minha lavoura crescer (depois do trabalho devido, claro) -- e beber vinho caseiro, e escrever romances para edificar meu espírito, e brincar com meus filhos, e relaxar, e gozar a vida, e brincar, e assoar o nariz. (...) Vou viver a vida do meu jeito 'preguiçoso coisa ruim', é isso o que vou fazer."

Diário de Jack Kerouac, 23 de agosto de 1948.
Molecos Viajantes

Últimos links del.icio.us


%d blogueiros gostam disto: