Retweet #1 (excomunhão coletiva, ditabranda…)

Todo blog tem, eu quero ter também!

Para juntar pequenas dicas de links, leituras e outras coisas interessantes, o Livros e Afins tem suas notas sobre livros e outras coisas legais, o Ladybug Brazil tem seus achados na web e o Dia de Folga tem o Folgando na Rede.

Aqui no Dois Espressos, a partir de agora, teremos o Retwitt, uma coletânea de alguns dos links que indiquei no twitter do Dois Espressos durante a semana.

Deus é brasileiro, por MillorO destaque desse Retweet #1 fica por conta de toda a controvérsia causada pela excomunhão de familiares e médicos envolvidos no aborto feito na menina de 9 anos, grávida de gêmeos, que vinha sendo estuprada pelo padrasto desde os 6 anos (Pros que estão por fora do assunto se é que existe alguém que não tenha ouvido nada sobre o ocorrido segue o link do G1 com a notícia).

Para os que, sob qualquer justificativa, acreditam que Dom José Cardoso Sobrinho, Arcebispo de Recife, “é um dos homens mais íntegros, sinceros e coerentes com sua fé“, fica a dica do excelente texto de Marcos Guterman, que fala sobre a interpretação burocrátia da “Lei de Deus” (via @Alessandro_M) e a sugestão de “excomunhão coletiva”, tirada do texto “Providências tardias”, do Ricardo Bánffy, que escreve no Dieblinkenlights (via @MarioAmaya).

Ainda sobre absurdos, leiam o texto Ditabranda: o suicídio moral da Folha, por Mario Amaya (Different Thinker, via RSS) e sobre o protesto em repúdio ao uso de ditabranda pela Folha. (via @Alessandro_M)

Pra terminar, deixo o link para que todos assistam World Builder, o comovente curta de Bruce Branit que levou 1 dia para ser filmado e 2 anos para ser pós-produzido (via @interney) e um pequeno teaser do excelente texto “Comprar e vender idéias“, escrito por Desidério Murcho (via feed do träsel/blog).

Qual é o problema? A publicidade é o grande soro de verdade da humanidade, corroendo todas as hipócritas declarações de amor fiel às artes, à informação de qualidade, à filosofia e às ciências.

Anúncios

3 Responses to “Retweet #1 (excomunhão coletiva, ditabranda…)”


  1. 1 Lucia Freitas 09/03/2009 às 1:06 AM

    Só vc. eu não tinha idéia que o Bánffy tb estava propondo a excomunhão coletiva. A idéia pintou ontem lá no LuluzinhaCamp aqui de Sampa e eu fiz um update no post que tinha programado pra hoje…
    :D
    Bom saber que tem mais gente na roda. Vai começar a linkania.
    Em tempo: também faço o Sons da Semana no PyleMusicBlog e vou começar um apanhado lá no Faça a Sua parte :P
    Bem-vindo à roda das dicas e informações quentinhas…

  2. 2 Alessandro Martins 09/03/2009 às 10:36 AM

    Nos meus blogs eu uso um plugin chamado Postalicious. Assim integro o delicious com os blogs. O bom é que publico em cada um deles apenas links com determinada tag. Assim dá para separar o que vai para um e o que vai para outro. É muito útil para mim e para os leitores.

    Abraços!

  3. 3 Lu Monte 09/03/2009 às 4:36 PM

    Essas coletâneas de links são ótimas. Comecei a minha para meu próprio uso, pra ter à mão coisas que vi e gostei. O compartilhamento me empolgou a continuar. :)


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




RSS Dois Espressos   Twitter Dois Espressos   Vídeos Dois Espressos   Fotos Dois Espressos
Músicas Dois Espressos   Links Dois Espressos   Locais Dois Espressos   GReader Dois Espressos
Facebook Dois Espressos   Livros de Dois Espressos   Corridas de Dois Espressos

Última corrida

Corridas

Fotos recentes

Mais fotos

Últimos Tweets

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Última nota do Moleco

" (...) Quanto a mim, a base de minha vida vai ser uma fazenda em algum lugar onde vou produzir parte de minha própria comida, e, se necessário, toda ela. Um dia não vou fazer coisa alguma além de sentar embaixo de uma árvore para ver minha lavoura crescer (depois do trabalho devido, claro) -- e beber vinho caseiro, e escrever romances para edificar meu espírito, e brincar com meus filhos, e relaxar, e gozar a vida, e brincar, e assoar o nariz. (...) Vou viver a vida do meu jeito 'preguiçoso coisa ruim', é isso o que vou fazer."

Diário de Jack Kerouac, 23 de agosto de 1948.
Molecos Viajantes

Últimos links del.icio.us


%d blogueiros gostam disto: