5 regrinhas básicas para garçons

Gar_on_72Uma das categorias profissionais que eu mais admiro é a dos garçons. Bons garçons são difíceis de encontrar. Garçons excepcionais eu devo ter visto uns 5 durante toda a vida.

Para além dos detalhes inerentes ao serviço de cada estabelecimento, a função de um garçon, seja num restaurante, bar ou lanchonete, pode ser resumida em 3 tarefas básicas: 1. tomar nota dos pedidos do cliente, 2. trazer até a mesa coisas que os clientes pediram, 3. retirar da mesa pratos e copos vazios. Não é como fazer astronautas caminharem na Lua ou colidir partículas no LHC. Anotar… trazer coisas… levar coisas.

Repare que nem falei nada sobre ser simpático, pois o sujeito que consegue cumprir com eficiência essas três tarefas sendo simpático entra automaticamente na categoria de “garçons excepcionais”.

O que eu chamo de “cumprir com eficiência”? Simples…

1. Não fique de papo enquanto eu espero. Nos dias de grande movimento, quando o salão está cheio e os garçons correm de um lado para o outro, não me importo de esperar para ser atendido. O que me tira do sério é ver garçons batendo papo, mandando SMS ou fumando cigarrinho enquanto eu espero pelo atendimento.

2. Só venha falar comigo quando estiver pronto para me atender. Não venha até minha mesa, com as mãos abanando, perguntar se eu quero alguma coisa. Se eu entrei em seu restaurante e me sentei à mesa é óbvio que eu quero alguma coisa. O cardápio, de preferência. Além disso, evite perder tempo: quando trouxer o cardápio, traga logo um bloco e lápis para anotar meu pedido.

3. Conheça os produtos que você vende. Eu sei o que é um quiche lorraine. Quando eu pergunto quais são os ingredientes ou como ele é preparado quero apenas me certificar de que aquilo que você chama de quiche lorraine não seja um pedaço frio de empadão, feito com retalhos de queijo e presunto. Todo e qualquer funcionário de um restaurante deveria estar preparado para falar sobre cada um dos ingredientes e como cada prato é preparado, afinal, como é que o sujeito pode vender uma coisa que não conhece, não sabe como é preparado ou nunca comeu?

4. Mantenha minha mesa limpa. Lembra da história de “trazer coisa… levar coisas”? Então… passou pela minha mesa e viu pratos vazios, copos vazios, garrafas vazias? Leve embora! Para essa tarefa vale o mesmo que na regrinha número 1: casa cheia, eu espero. Pratos e copos vazios sobre a mesa enquanto eu espero você mostrar pro colega aquele vídeo engraçado no celular, perdeu um cliente.

E, pra terminar, aquela que deveria ser a Regra de Ouro de qualquer bar, lanchonete, restaurante… qualquer lugar no mundo!

5. A culpa NUNCA é minha. Quando alguma coisa der errado e você trouxer para a minha mesa algo que eu não pedi, apenas peça desculpas e leve embora sem criar caso. Diga que você se enganou, ou que alguém da cozinha se enganou, ou que foi uma manifestação sobrenatural que fez o frango virar peixe no caminho da cozinha até a mesa. Só não venha querer me convencer de que fui eu que me enganei e pedi peixe ao invés de frango. Eu sei que pedi frango. Todos na mesa sabem que eu pedi frango. Traga o que eu pedi e ponto final.

4 Responses to “5 regrinhas básicas para garçons”


  1. 1 Juliana Vargas Ferreira 24/09/2009 às 1:51 PM

    “ou que foi uma manifestação sobrenatural que fez o frango virar peixe no caminho da cozinha até a mesa”

    ri mto!! rsss

  2. 2 *Lusinha* 24/09/2009 às 2:06 PM

    Dei risada com o texto.
    Mas essa regra crucial ai é importante de lembrar. Porque se o garçom insiste, fico muito brava.
    Bjitos!

  3. 3 Bruno 25/09/2009 às 12:32 AM

    Nossa… quanta revolta no coraçãozinho.

  4. 4 edson luiz 13/11/2009 às 8:41 AM

    pergunto se um casa que tem um ano ,digo restaurante,e naum consegue dar folga 1 domingo por mes para seus funcionários…..
    porque a casa nao está com muito movimento..ou porque naum tem uma equipe formada..essa desculpa naum cabe.
    pergunto???isso é certo??? o descanço de 1 domingo por mes é obrigtório para quem trabalha aos domingos? e oque pode astar errado com a administração dessa empresa?
    aguardo contato.
    um abraço.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




RSS Dois Espressos   Twitter Dois Espressos   Vídeos Dois Espressos   Fotos Dois Espressos
Músicas Dois Espressos   Links Dois Espressos   Locais Dois Espressos   GReader Dois Espressos
Facebook Dois Espressos   Livros de Dois Espressos   Corridas de Dois Espressos

Última corrida

Corridas

Fotos recentes

Mais fotos

Últimos Tweets

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Última nota do Moleco

" (...) Quanto a mim, a base de minha vida vai ser uma fazenda em algum lugar onde vou produzir parte de minha própria comida, e, se necessário, toda ela. Um dia não vou fazer coisa alguma além de sentar embaixo de uma árvore para ver minha lavoura crescer (depois do trabalho devido, claro) -- e beber vinho caseiro, e escrever romances para edificar meu espírito, e brincar com meus filhos, e relaxar, e gozar a vida, e brincar, e assoar o nariz. (...) Vou viver a vida do meu jeito 'preguiçoso coisa ruim', é isso o que vou fazer."

Diário de Jack Kerouac, 23 de agosto de 1948.
Molecos Viajantes

Últimos links del.icio.us


%d blogueiros gostam disto: